Homem condenado por homicídio é encontrado esquartejado no Itaúna II

Gilson dos Santos Silva,39, o Nexita
Gilson dos Santos Silva,39, o Nexita

O Corpo de Gilson dos Santos, vulgo Nexita, estava decapitado, sem as pernas e um dos braços

Da Redação | 24 horas

[email protected]

Parintins (AM) – A Polícia Civil investiga a morte de Gilson dos Santos Silva,39, o Nexita, que foi encontrado esquartejado na tarde deste domingo no “campo do gordo” bairro Itaúna II, em Parintins. De acordo com as primeiras informações divulgadas pela polícia Nexita estava sem as pernas, um dos braços e decapitado. Segundo o investigador da Polícia Civil, José Maria, o corpo foi jogado ali possivelmente no início da tarde. “O corpo foi desovado possivelmente nesta tarde, mas estamos investigando”, informou.

O corpo de Nexita se encontra no necrotério do Hospital Regional Jofre Cohen. Foto: Katiuscia Ferreira

O cabo Adean do 11º Batalhão de Polícia Militar informou que a tatuagem no corpo da vítima foi essencial para identificá-lo. A reportagem apurou que Gilson dos Santos participou ativamente da última rebelião ocorrida na unidade prisional de Parintins onde estava preso condenado por homicídio.

A Polícia Civil está em campo onde ouve as pessoas próximas a vítima. Foto: Katiuscia Ferreira.

A Polícia Civil conversou com a namorada da vítima. Ela contou que na manhã deste domingo esteve na casa de Nexita, mas uma adolescente teria dito que ele estava morto, mas não acreditou. Neste momento a Polícia está em busca dessa menor para que possa depor sobre o caso.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here